Subiu para 9886 o número de infectados em Portugal pelo novo coronavírus, mais 852 casos do que ontem. Segundo o boletim epidemiológico diário da Direcção-Geral de Saúde, divulgado esta sexta-feira, há agora um total de 246 mortes a registar, mais 37 do que ontem, mantendo-se em 68 o número de recuperações.

No Alentejo há mais três casos confirmados nas últimas 24h, subindo número total de infectados para 62, e regista-se a primeira morte provocada pelo COVID-19.

Os concelhos da região com mais casos são Évora com 15, Reguengo de Monsaraz com sete, Santiago do Cacém com seis, Sines com três, Grândola com três, Beja com três e Serpa com outros três. Reiteramos que os dados apresentados pela DGS relativamente aos concelhos têm como fonte a informação apresentada ao total de notificações clínicas no sistema SINAVE e correspondem a 79% dos casos confirmados.

Relativamente ao distrito, há mais um caso confirmado pelo presidente da Câmara de Elvas, desta feita uma pessoa ligada a uma instituição. A este novo caso soma-se mais três detectados no concelho de Elvas, desta feita uma mulher que está a ser tratada pela autoridades locais, um homem de 61 anos que foi transferido de Elvas para o Hospital de Portalegre, onde se encontra em ventilação assistida, e um outro caso confirmado relativo a uma cidadã brasileira, detida na fronteira do Caia na posse de droga, e que foi transferida para o hospital da prisão de Caxias. Ressalvamos que o nosso jornal apenas reporta os casos confirmados pelas fontes oficiais de saúde, sendo que não constam da lista divulgada pela DGS os dados relativos aos concelhos com menos de três casos confirmados «por motivos de confidencialidade».

De acordo com os dados da DGS, desde o início do ano já foram registados um total de 74.377 casos suspeitos, dos quais 59.099 não foram confirmados. Há ainda 5392 pessoas a aguardar resultado laboratorial e 22.552 casos a ser vigiados pelas autoridades de saúde.

Relativamente à distribuição geográfica, a região Norte continua a ser a mais afectada com um total de 5899 infectados e 130 mortes. Segue-se a região de Lisboa e Vale do Tejo com 2347 casos confirmados e 51 mortes, enquanto a região Centro apresenta 1286 casos e 61 mortos.

No Alentejo registam-se agora 62 casos e regista-se a primeira morte na região, no Algarve há 179 infectados e três mortes a registar.

Na Região Autónoma da Madeira o número de casos confirmados subiu para 508 e na Região Autónoma dos Açores há 63 casos confirmados.

 No que diz respeito à caracterização clínica dos casos confirmados, há um total de 1058 pessoas internadas, sendo que 245 se encontram nos cuidados intensivos, segundo a informação reportada pelos Hospitais, Administrações Regionais de Saúde e Regiões Autónomas.

 Reiteramos que é FUNDAMENTAL cumprir com os conselhos da Direcção Geral de Saúde:

- Lavar frequentemente as mãos com água e sabão;

- Adoptar medidas de etiqueta respiratória - tapar o nariz e boca quando espirrar ou tossir (com lenço de papel ou com o braço, nunca com as mãos);

- Deitar o lenço de papel no lixo;

- Lavar as mãos logo de seguida;

- Ligar para o centro de contacto SNS24 (808 24 24 24), antes de recorrer a serviços de saúde, e referir sempre o histórico de viagens, e/ou contacto com animais e/ou pessoas doentes, seguindo as orientações que lhes forem dadas.

Mais Notícias