O Programa BEST, cuja segunda edição se desenvolve em Portalegre e Évora, visa criar valor nas empresas de turismo através da formação, com a implementação de um plano de capacitação de empresários inserido em estratégia nacional.

Foi hoje apresentado, na Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre, a segunda edição do o Programa BEST, numa  conferência de imprensa que contou com a presença do presidente da Entidade de Turismo do Alentejo e do Ribatejo, António Ceia da Silva, da diredtora da escola, Maria Conceição Grilo, e do presidente da delegação regional da AHRESP, João Cavaleiro Ferreira.
A Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre vai concretizar a segunda edição do Programa BEST - Business Education for Smart Tourism que procura, através de diversas acções de formação e qualificação, capacitar empresários, empreendedores e gestores de Turismo em temáticas como o digital, o marketing, os modelos de financiamento, a gestão financeira e operacional e os recursos humanos.
Já a partir do presente mês - fevereiro -, e até ao final da primeira metade do ano de 2020, a Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre desenvolve uma série de acções de formação com o objectivo de promover o desenvolvimento das competências estratégicas e de gestão competitiva das empresas turísticas e incentivar a sua preparação relativamente aos actuais desafios e tendências do mercado global.
O calendário ainda não está totalmente fechado, mas a maioria das acções já estão definidas, estando já agendadas 14 acções realizadas, nas sua maioria, na Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre - oito -, mas, também, em Évora - seis acções.
«A Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre criou, novamente, um programa de formação no âmbito do BEST - Business Education for Smart Tourism, uma iniciativa do Turismo de Portugal que as escolas operacionalizam no território nacional. Esta será a segunda edição que tem como objectivo dar ferramentas e dotar os empresários, os empreendedores e os gestores da área com instrumentos que lhes permitam operar e serem competitivos num mercado tão exigente como o do Turismo. Vamos trabalhar diversos temas, desde a gestão financeira, o marketing digital e a gestão operacional dos negócios, entre outros», explicou o coordenador da formação contínua da Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre, Manuel Belo.
A segunda edição do BEST - Business Education for Smart Tourism, aplicada pela Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre, começou no início do ano letivo e em 2019 foram realizadas seis ações de formação. Neste momento, arrancou a segunda fase do programa, nomeadamente no dia 10 do presente mês, a qual terá duas partes: a primeira é sobre “Como melhorar a gestão financeira do seu negócio”; e a segunda é sobre questões fiscais: “Como gerir a fiscalidade da sua empresa".
A participação é livre mas implica uma inscrição prévia.

Para mais informações consulte o seguinte link: http://business.turismodeportugal.pt/pt/Agenda/Eventos/Paginas/programa-best-2-gestao-financeira-portalegre-10-fev-2020.aspx?fbclid=IwAR0p3O1Z8PbWSNMQ3E6b1Sji36oGwNC0XIDBKxdC04IiJlQIvRvCP305Cdg

Reportagem completa na nossa edição impressa.

Mais Notícias